[Série] Netflix tansforma Chiquinha em personagem de Stranger Things

16 outubro 2017

A segunda temporada de Stranger Things está chegando e deixando todos os fãs de cabelos em pé. A ansiedade para a chegada está a mil e a Netflix está nos atiçando ainda mais. Dessa vez o teaser de divulgação conta com a presença da  atriz mexicana María Antonieta de las Nieves, a famosa Chiquinha de Chaves como personagem da série.

E pra melhora ainda temos a  voz de Cecília Lemes, principal dubladora da personagem no Brasil. Quer coisa mais sinistra?

 Nossa tão esperada segunda temporada lançará dia 27 de outubro. Ansiosos?

[Resenha] Como Eu Imagino Você - Pedro Guerra

12 outubro 2017

Editora: Gutenberg
Gênero: Romance
Páginas: 190
Classificação: 5/5 + favoritado 
Onde comprar:

Como Eu Imagino Você conta a história de Helena, Lena para os íntimos, uma garota de 18 anos que desde os seus 8 anos é portadora de uma deficiência visual chamada Stargardt que faz com que ela perca a visão gradativamente.


Agora Lena está com 20% da sua visão periférica que a faz enxergar as coisas de maneira desfocada e com certa dificuldade, precisando algumas vezes de sua lupa para ver melhor. Os pais dela são bastante protetores e preocupados em deixá-la sozinha, mas Lena busca sua independência e não se vitimiza pela sua condição, sendo uma garota muito forte e guerreira. 
"Somos iguais... somos versos de um mesmo poema que se encaixam perfeitamente, sem nem precisar de rima."
Até que Lena começa a sonhar constantemente com um homem que ela nunca viu, intrigada ela conta para seu melhor amigo Lucas que achou tudo muito natural.


Em umas das viagens para pesquisas e trabalhos de seus pais, Lena vê a oportunidade de ficar sozinha em casa provando que é capaz de ser responsável por si mesma. Mas sua mãe contratou um jardineiro para cuidar do jardim enquanto eles estivessem fora, fato que deixou Lena apreensiva, afinal iria estar com um estranho que poderia se aproveitar de sua deficiência.

Quando o jardineiro chega, a coisa se apresenta de forma diferente, ele é gentil e a tranquiliza, e a cada novo dia de trabalho do jardineiro, conversas agradáveis se desenrolam e Lena já sente uma familiaridade estranha com aquele desconhecido, até o momento que ela percebe que ele é LITERALMENTE o homem dos seus sonhos.
"- Quanto você pode me vê? Quero dizer que posso vê-lo mais do que a minha capacidade de enxergar permite. Consigo ver que ele é diferente [...]. Quero dizer que sinto sua frequência, sua vibração, e que ele me transmite calma e coisas boas. Por fim quero dizer que o enxergo - muito mais do que posso ver." 


É aí que a coisa fica séria, Lena e Lucas tentam encontrar respostas para isso, além de outras coisas inusitadas começarem a acontecer, tornando tudo ainda mais enigmático e instigante.

Como Eu Imagino Você é maravilhoso, conseguimos entender melhor como vive e o que se passa na cabeça de deficientes visuais, e entendemos que na verdade todos nós somos deficientes, afinal enxergamos apenas o que queremos e o que nos é conveniente.
"O mundo é cego. Ninguém se importa com a história dos outros. Somos todos videntes para aquilo que nos importa e só isso."


O livro transmite amor, emoção, aventuras, mistérios, além de fazer meu coração palpitar por duas vezes pontuais que eu chorei horrores, e as diversas lições e reflexos são como tapas na cara. Pedro trouxe uma história totalmente linda e diferente, se você acha que Como Eu Imagino Você é clichê, esqueça! É renovador, encantador e reconfortante, além de ser extremamente divertido, ri muito nos transportes públicos da vida enquanto lia, kkkk

Tive o grande prazer e honra de conhecer o Pedro na Bienal, e saber que o livro é tão lindo quanto o autor é magnífico. Pedro, já sou sua fã, E TU É LINDO!!!

Resenha em Vídeo <3

[Filmes] 5 comédias românticas para assistir na Netflix

10 outubro 2017

Oiiiiii, gentem! Quem aqui não gosta de uma boa comédia romântica! Por esse motivo vim indicar pra vocês 5 filmes incríveis pra você assistir na amada Netflix!


1. COMO PERDER UM HOMEM EM 10 DIAS

O Matthew McConaughey pode até estar mais focado em filmes que ganham o Oscar hoje em dia, mas ninguém aqui esqueceu que ele era galã de comédia romântica no começo dos anos 2000. Temos aqui um filme maravilhoso em que ele faz dupla com a Kate Hudson, uma das musas de comédias românticas.


2. 10 COISAS QUE EU ODEIO EM VOCÊ

 O filme de 1999 conta a história de Cameron (Joseph Gordon-Levitt) que acaba de chegar a uma nova escola e já se apaixona por Bianca (Larisa Oleynik), mas o pai da moça é muito rígido e tem a regra de que ela só pode namorar quando sua irmã mais velha tambem namorar. Acontece que a irmã de Bianca é Kat (Julia Stiles): a megera da escola. Kat é antissocial e orgulhosa, total oposto de sua irmã que é meiga e popular. Surge então um problema para Cameron, mas junto com seu amigo Michael (David Krumholtz) eles tramam o plano perfeito e acham o cara ideal para sair com Kat: o misterioso bad boy Patrick Verona (Heath Ledger).

3. ENCANTADA

Expulsa por uma rainha malvada do seu próprio conto de fadas, a princesa Giselle vai morar em Manhattan, Nova York, onde música, mágica e finais felizes já não são tão fáceis de encontrar. Giselle está completamente perdida no novo mundo, até que um advogado divorciado resolve ajudá-la. A situação se complica quando o príncipe de sua história chega para salvá-la.


4. CASA COMIGO?

Anna (Amy Adams) viaja a Dublin, Irlanda, para pedir o namorado Jeremy (Adam Scott) em casamento. Segundo a tradição local, o homem não pode recusar um pedido feito no dia 29 de fevereiro. Após contratempos na viagem, Anna vê-se obrigada a pegar carona com o charmoso e grosseiro Declan (Matthew Goode), dono de uma hospedaria. Logo, o que deveria ser uma simples travessia ganha rumos inesperados.


5. PLANO B


Zoe (Jennifer Lopez) está cansada de aguardar pelo homem certo. Decidida a ser mãe de qualquer maneira, ela elabora um plano, marca uma consulta e resolve fazer inseminação artificial. Neste mesmo dia conhece Stan (Alex O'Loughlin), que surge como uma possibilidade real de relacionamento. Só que Zoe quer manter o relacionamento no nível da amizade, ao mesmo tempo em que precisa esconder os primeiros sinais da gravidez. Quando enfim revela a verdade, Stan lhe diz que está disposto a encarar a situação.

[Lançamentos] Editora Coerência: Outubro 2017

06 outubro 2017

MAAAAAIS UM MÊS. Gente falta tão pouco pro Natal, O QUE ESTÁ ACONTECENDO COM O TEMPO????? Mas vamos lá ficar felizes com o lançamento da Editora Coerência que esse mês será apenas um livro <3
RAFANI - SINÉIA RANGEL
Onde comprar: Editora Coerência
Sinopse: Bon vivant e cafajeste assumido, Sam Allencar cultiva três paixões: mulheres, sexo e vinho. Complicações nunca foram parte da sua vida, tudo o que deseja está ao alcance das suas mãos. Até que o seu caminho se une ao de uma desconhecida.Uma mulher com um passado marcado por traumas e uma vida construída sobre segredos e mentiras, que prendeu ainda criança que o sentimento mais confiável é o medo, é ele que a mantém viva.Ele não sabia o que estava em jogo, até que estivesse irreparavelmente envolvido.Ela não sabia como contar a verdade, até que fosse tarde demais.Incompatíveis desde o início.Será que o amor pode curar um passado de dor?
CONTÉM CENAS DE VIOLÊNCIA SEXUAL E PEDOFILIA.NÃO HÁ ROMANTIZAÇÕES DESTES TEMAS.
SOBRE A AUTORA:
Sinéia Rangel nasceu em Mutuípe, no interior da Bahia, encontrou nos livros o passaporte para um mundo de sonhos e fantasias que transformaria a sua vida. Geminiana de carteirinha, era difícil não viajar além das histórias, criando e recriando enredos, assim passou a escrever e dar forma aos inúmeros pensamentos que habitavam sua mente. Psicóloga, bookaholic, cinéfila, chocólatra e musicólotra, Sinéia é amante de rock, poesias e histórias de amor.


[Resenha Prévia] Nunca Olhe Para Dentro - Amanda Ághata Costa

02 outubro 2017

Editora: Independente
Gênero: Romance
Sinopse: Nem sempre a vida é colorida como um quadro ou suave como uma pincelada, às vezes é o contrário de tudo isso. Depois de perder os pais em um acidente de carro aos oito anos de idade, a única coisa que Betina precisa fazer é encontrar o responsável por ter destruído sua família na noite que daria início à sua próspera carreira como pintora. Agora longe dos pinceis e das paletas, ela está focada em terminar a primeira graduação e procurar na justiça um pouco de consolo para o caos que o seu passado ainda traz. Ao lado de seus amigos e sob o teto de uma tia que a detesta, ela perceberá de que cores as pessoas são feitas, e do quanto é realmente necessário olhar para dentro de tudo aquilo que a assombra, mesmo que para isso precise passar por uma inesperada decepção.

Betina é uma criança adorável, que enxerga as pessoas através das cores, cada emoção representa uma cor para ela. Já a música para ela não faz tanta diferença, viveria em um mundo silencioso, o que nunca aconteceria com a pintura. Um mundo sem paletas, pincéis e telas para despejar todas as cores contidas em seus pensamentos não seria um lugar onde gostaria de viver.

Betina estava em uma exposição onde possuía quadros seus com os dizeres “A menina prodígio de Ostala” e naquele momento ela era laranja. Laranja era a melhor cor, que representava a felicidade e plenitude e ela queria ser laranja pra sempre.

Os pais de Betina estavam tão orgulhosos dela e a felicidade estava radiante dentro do carro na volta para casa, porém tudo muda quando um carro vem na contra mão e o pai de Betina desvia para dentro do lago. Betina foi a única que sobreviveu ao acidente, e a partir desse dia ela virou preto.

Anos depois Betina ainda é preto, cursa faculdade de psicologia e mora com sua tia odiável que a trata pior que nada, e todo seu foco na vida é encontrar o responsável por transformar toda a sua vida, guardando todas as lembranças numa caixa proibida escrito Nunca Olhe Para Dentro, deixando todas as memórias armazenadas lá e esvaziando sua cabeça. Até que certo dia Betina recebe uma mensagem que lhe arranca sorrisos e a deixa intrigada. 

-

E foi exatamente aí que os quatro primeiros capítulos disponibilizados pela Amanda terminaram, me deixando sedenta pelo restante do livro. Em 40 páginas eu já amei Betina, essa questão de ela ver as emoções como cores é sensacional, me deu vontade de levar isso pra vida. E sentimos vontade de abraça-la pra aplacar suas dores e pra que ela volte a ser laranja. Além de que essa história de ela querer encontrar o responsável pelo acidente dos seus pais é muito intrigante. BETINA ME ABRAÇA! Prevejo muito amor! E gente, a edição está maravilhosaaaaaaaa, linda demais, deixou a leitura muito mais gostosa.


E dia 03/10 nossa Betina será lançada na Amazon para todos a conhecerem. Eu estou ansiosa? BOBAGEM, SÓ GRITANDO MESMO! #VemBetina! E vocês já foram avisados: Nunca Olhe Para Dentro.
 
© Memórias de uma leitora, VERSION: 01 - BLUE FLOREST - janeiro/2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Maidy Lacerda
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo