[Resenha] Quero Ser Beth Levitt

29 outubro 2013


Autor: Samanta Holtz
Editora: Novo Século
Páginas: 544
Classificação:  
Sinopse: Amelie Wood perdeu os pais aos doze anos e, desde então, vive em um abrigo de meninas. Com a chegada de seu décimo oitavo aniversário, ela vive agora o temido e esperado momento de deixar o lugar que a acolheu por toda a adolescência para enfrentar o mundo em busca dos seus sonhos. Seu bem mais precioso é o velho exemplar do romance que sua mãe lia para ela, na infância. "Doce Acaso" contava a história de Beth Levitt, uma jovem que, como ela, amava o balé e tinha a vida transformada ao conhecer o príncipe Edward. Amie suspira ao reler incansavelmente aquelas páginas, imaginando quando o príncipe da vida real baterá em sua porta... Por isso, ao soprar as velas, não tem dúvida quanto ao seu pedido: "Quero Ser Beth Levitt!". Através de grandes coincidências e uma trajetória que ela jamais imaginaria, Amie se vê, de repente, no fascinante mundo do cinema, cara a cara com o príncipe mais lindo que sonharia encontrar e lutando para se esquivar da maldade de muita gente invejosa, contando, para isso, com sua melhor arma: um coração puro.
Amelie Wood é uma órfã que perdeu seus pais quando tinha doze anos de idade. Depois da morte de sua mãe, foi levada a um abrigo de meninas onde lá ficou até os seus dezoito anos. Sem que Amie soubesse de nada, Julia Wood, sua mãe, preparou um início de vida confortável para sua amada filha. Amelie é doce, tímida, ingênua e uma incrível bailarina, talento herdado de sua mãe que era bailarina profissional.
"Para ela, dançar não era simplesmente um hobby ou atividade física. O sentimento que a tomava quando vestia as sapatilhas e se movia no ar era inexplicável. Era como se pudesse libertar-se totalmente do corpo para uma dimensão superior, onde não havia problemas nem tristezas. Apenas ela e a música." (pág 169)
Com um mundo inteiro pela frente, ela se vê sozinha, com medo e cheia de expectativas. O único companheiro que agora tem é seu velho exemplar de Doce Acaso, livro que sua mãe lia incessantemente para ela e que conta sobre Beth Levitt, uma bailarina que encontra, literalmente, seu príncipe encantado.
Por uma serie enorme de coincidências, Amelie se vê no mundo cinematográfico contracenando com seu ator preferido e totalmente lindo. E como se não bastasse, interpretará a história que a acompanhou durante toda vida.
Reviravolta, romance, intriga, dança (<3), invejas e lições de vida são a base desse maravilhoso livro. Amelie com seu desejo de ser Beth Levitt nos faz sonhar, acreditar que não importa o quanto a vida a faça apanhar, nunca corrompa seu coração, mant-lo puro é o segredo.


Dizer que recomendo é até injusto, Quero Ser Beth Leviit se tornou meu livro preferido, Amie se tornou minha melhor amiga. Me identifiquei tanto com o sonho do balé presente na protagonista que chorei em incontáveis trechos. Lindo, encantador, maravilhoso... Releria, releria e releria. E finalmente descobri, TAMBÉM QUERO SER BETH LEVITT.
"Se fossem fáceis, não seriam sonhos. Nem valeriam a pena." (pág 304)
Para saber mais sobre a autora, Samanta Holtz, clique AQUI
6 Comentários | BLOGGER
Comentários | FACEBOOK

6 comentários:

  1. Oi tudo bom? vim te dizer que eu te indiquei a um selinho!
    http://apenasapaixonadaporlivros.blogspot.com.br/2013/10/selo-versatile-blogger-award.html

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Querida Suzane,

    Que lindas palavras sobre o meu livro!!!
    Fico muito feliz em saber que gostou tanto da história e que o livro se tornou seu favorito <3 <3 <3 Que demais!!!!!!

    Obrigada por dividir isso comigo e com os leitores do seu blog :)

    Um beijo com muito carinho,

    Samanta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sam, você não sabe o quanto significa pra mim o seu comentário. Obrigada por seu apoio sempre, por seu livro maravilhoso e seu carinho com os leitores. Te admiro cada vez mais <3

      Excluir
  3. Oiee

    Adorei conhecer o seu blog, muito legal essa resenha, ja anotei esse livro como desejado :)

    Muito bom quando gostamos e de um livro assim é como se fosse um amigo querido rsrs

    Beijos e muito sucesso com o blog!

    http://www.livrosechocolatequente.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Curtir muito sua resenha desse livro, achei ele muio fofo, amo romances e autora é brasileira o que contribui e muito para que o livro se torne favorito.


    http://meulivromeutudo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Adorei a capa! E me parece ser um livro muito emocionante mesmo.
    A citação sobre os sonhos também é linda.

    Bjs, Lu
    Blog: Sem Spoiler

    ResponderExcluir

 
© Memórias de uma leitora, VERSION: 01 - BLUE FLOREST - janeiro/2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Maidy Lacerda
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo