[Top 6] Melhores Leituras do Ano

25 dezembro 2015
Olá queridos leitores! Mais um ano acabando e com muita história para contar e muita inspiração para o ano que vem. E uma das coisa que o fim de ano traz  além daquela nostalgia é o balanço que fazemos de tudo que ocorreu em 2015. Lembranças boas, algumas experiências ruins e vários percalços pelo caminho, mas espero que também tenham dados muitos sorrisos pelo decorrer deste ano e que cada memória tenha um espacinho especial.
E falando em cantinho especial, muitos livros além de conquistarem o seu lugar na minha prateleira conseguiram me surpreender e por isso merecem um lugar de prestígio para que vocês também conheça-os e quem sabe se encantem com eles também.


Confira a sinopse e a resenha no link de cada livro escolhido para esse top #6

Fingindo
"-... o medo nos permite saber que estamos vivos. Ele me diz que você se importa com o que acontece entre nós porque a mente a  mente não perde tempo  tendo medo de coisas que não importam. "

FingindoMeu nome é Cade Winston. Aluno de mestrado em belas-artes, voluntário, abraçador de mães e seu namorado pelas próximas vinte e quatro horas. Prazer em conhecê-la. Com seus cabelos coloridos, tatuagens e um namorado que combina com tudo isso, Max tem exatamente o estilo que seus pais mais desprezam... E eles nem sonham que a filha vive assim. Ela fica em apuros quando seus pais a visitam na faculdade e exigem conhecer o futuro genro. A solução que Max encontra para não ser desmascarada é pedir para um desconhecido se passar por seu namorado. Para Cade, a proposta veio em boa hora: é a chance que ele esperava para acabar com a sua fama de bom moço, que até hoje só serviu para atrapalhar sua vida. 


~Resenha




Uma curva no tempo
"Às vezes eu me perguntava quantos espelhos deveríamos ter  ter quebrado, ou quantas pragas de ciganos haviam sido lançadas sobre nós para explicar a infeliz história de minha família."

Uma Curva no TempoA noite do acidente mudou tudo... Agora, cinco anos depois, a vida de Rachel está desmoronando. Ela mora sozinha em Londres, num apartamento minúsculo, tem um emprego sem nenhuma perspectiva e vive culpada pela morte de seu melhor amigo. Ela daria tudo para voltar no tempo. Mas a vida não funciona assim... Ou funciona?A noite do acidente foi uma grande sorte... Agora, cinco anos depois, a vida de Rachel é perfeita. Ela tem um noivo maravilhoso, pai e amigos adoráveis e a carreira com que sempre sonhou. Mas por que será que ela não consegue afastar as lembranças de uma vida muito diferente?




~Resenha




Escolhas
"Mas infelizmente, ou felizmente, a vida dá voltas e coloca obstáculos que cabe a nós passarmos ou desviarmos. Será que durante o  meu caminho me desviei ou optei pelo errado? Hoje, depois de tanto tempo, tenho certeza que fiz a escolha certa..."

EscolhasQuem determina o que é certo ou errado? Como saber qual caminho seguir? O que nos garante a certeza de ter feito a escolha correta? Será que a razão deve prevalecer ou seguir o coração é sempre o melhor? Você conseguiria viver sabendo que as suas decisões podem mudar tudo? Por que o destino as vezes nos testa? Para Fabiana nada poderia mudar a sua história. Ela sempre teve esta certeza, até que a vida provou que nem sempre é fácil decidir qual rumo tomar. Que o seu coração é quem comanda e a guiará para a decisão correta.Em um sábado como outro qualquer, Fabiana se vê diante de uma situação que mudará a sua estrutura, deixando-a com dúvidas sobre a sua, perfeita, vida. Ela será obrigada a fazer a sua escolha, quando o destino exige uma decisão.Como não se entregar ao verdadeiro amor? Como viver sem se sentir culpada? E você? Faria o que? Seguiria o seu coração? 
~Resenha




Precisava de você
"Ninguém quer quebrar a cara no amor, Lolita... Mas todo mundo tem um coração pronto para ser quebrado  alguma vez na vida..."

Precisava de Você
Então está aqui tudo o que eu guardei por algum tempo. A partir de agora eu pretendo escrever, desde o começo, a nossa história (se é que eu posso chamar assim). O nosso (des)romance. Acho que a melhor maneira de se livrar de alguma coisa (neste caso, de alguém) é colocando para fora. Então é isso que eu vou fazer. Eu vou te exorcizar de mim. Que droga. Que droga, Gabriel Vegas. Eu gostava de você pra caramba.

Ser Clara
"Ela me deu de presente um par de brincos muito chamativo, tipo de puta de calçadão mesmo, disse que achou que eles eram a minha cara. Sorri, disse que os usaria assim que tivesse um jantar na casa dela, já que seria o local mais apropriado para usá-los. Acho que só nós duas entendemos as grosserias polidas e educadas."

Ser ClaraClara é uma jovem brasiliense, de 27 anos, que está envolvida com os preparativos do casamento de sua melhor amiga, Laura. Durante a festa conhece um médico rico e famoso, o homem dos sonhos de qualquer mulher. Porém, acaba se envolvendo com um colega de adolescência. Mal sabe ela os obstáculos que viverá pela frente, tais como uma sogra desesperada e até mesmo tentativas de assassinato, até que consiga decidir o que quer da vida. Trata-se de um livro de linguagem simples e atual, que descreve o cotidiano, os sonhos e as aventuras de uma mulher vivendo entre a realização de uma vida independente e o desejo de conhecer e viver um grande amor.







~Resenha




O que me faz pular
"Veja bem, para nós o autismo é normal, então não temos como saber o que os outros chamam de "normal". Porém a partir do momento em que aprendemos a nos amar, não sei bem se faz diferença termos autismo ou não."
Naoki Higashida sofre de autismo severo. Com grande dificuldade de se comunicar verbalmente, o jovem aprendeu a se expressar apontando as letras em uma cartela de papelão, e, aos treze anos, realizou um feito extraordinário: escreveu um livro. Delicado, poético e profundamente íntimo, O que me faz pular traz uma nova luz para entendermos a mente autista. O jovem explica o comportamento muitas vezes desconcertante das pessoas com autismo e compartilha conosco suas percepções de tempo, vida, beleza e natureza, apresentadas em um relato e um conto inesquecível.





~Resenha

Thamires Vicente
Thamires Vicente, carioca de 22 anos. "PALAVRAS são capazes de causar grandes sofrimentos e por vezes remediá-los"
4 Comentários | BLOGGER
Comentários | FACEBOOK

4 comentários:

  1. Olá!
    Preciso muito ler Fingindo, meu Deus! Com certeza será uma das primeiras leituras para o próximo ano.
    Adorei seu post e o blog, já estou seguindo :D

    Beijão e Boas Festas!
    Leitora Cretina

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ooow, obrigada pelo carinho. Eu já estou preparada aqui com o próximo livro da Cora em mãos, assim que acabar falo como foi ele também :)
      Quero saber que achou de Fingindo também.

      Beijos,

      Excluir
  2. Olá! Tenho que confessar que nunca li nenhum desses livros. Mas fingindo e uma curva no tempo estão na minha lista pra ler já faz um tempo. Adorei o blog.
    Bj,

    umleitornooceano.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia-os, espero que goste assim como eu Letícia.
      Já estou aprontando a minha lista de leituras nova.

      Beijos,

      Excluir

 
© Memórias de uma leitora, VERSION: 01 - BLUE FLOREST - janeiro/2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Maidy Lacerda
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo