[Resenha] A Aposta - Vanessa Bosso

29 junho 2016
A Aposta
Editora: Novo Conceito
Gênero: Romance/Jovem Adulto
Páginas: 288
Classificação: 
Sinopse: A primeira experiência amorosa de Nina não foi nada boa. Diante de tamanha decepção, a garota não quer saber de namorados e seu coração virou uma pedra de gelo. No colégio, os garotos lançam uma aposta a Lex, o grande pegador , daqueles que arrancam suspiros até mesmo de objetos inanimados. Será que ele, com todo seu poder de sedução, conseguirá conquistar o coração de Nina? De forma hilária e dinâmica, a autora levará os leitores a uma viagem inesquecível, na qual a amizade e o amor reinarão em absoluto... Até que uma vingança surja em cena para estragar tudo. Quem sairá vencedor? Façam suas apostas. O jogo está prestes a começar.

Nina é bonita e a sua beleza chama atenção, principalmente dos meninos. Ela é o tipo de garota tranquila que não curte muita badalação, focada naquilo que se propõe a fazer, aquele tipo que chamaríamos de' cabeça no lugar".
Lex é lindo de morrer as meninas babam por ele, e o pior é que ele sabe muito bem disso. Ele é o tipo de garoto problema que parece que a confusão sempre o acompanha, sempre metido no esquema da vez com os amigos, aquele tipo que chamaríamos de "rebelde".

Nina e Lex convivem no mesmo colégio mas em mundinhos diferentes onde eles são o completo oposto do outro. Um típico colégio em que os adolescentes se dividem em grupos onde cada um tem a sua tribo. Arruaceiros, nerds, patricinhas... em meio a esses grupos a turma do último ano do Prisma está preparada para a festa de fim de ano e a despedida da vida de estudante que todos desejam. A sonhada viagem longe dos pais em uma ilha para paradisíaca.

E é claro que em meio a tantos adolescente e hormônios a flor da pele alguma confusão teria que aparecer. O grupo de amigos de Lex decididos a esquentar as coisas para a viagem fazem a aposta das apostas e lança a mais difícil que Alexandre já enfrentou: conquistar Nina durante a viagem de formatura e com isso ele ganharia ele dinheiro suficiente para consertar a sua moto. Logo ela, Nina! A garota que tem verdadeira aversão a meninos e não suporta um deles dando em cima dela. E para piorar, a patricinha MOR da história "Bibi" ex de Lex tinha que estar no meio para arquitetar os piores planos possíveis. Por que para Bibi, se ela não puder ter o garoto que ela quer, ninguém mais o terá e ela irá se certificar para que isso não aconteça.

Nina fica fora de si ao descobrir a tal aposta, mas rebate! Ela precisa superar, não iria perder essa oportunidade. Ela vai se superar. Lança uma contra aposta: "Não irá se apaixonar por Lex" afinal de contas é um cara que ela não sente a mínima atração, não seria difícil, seria?
Apostas na mesa e todos os alunos na expectativa pelo desfecho. Duas pessoas difíceis em uma ilha e uma plateia enorme, uma empreitada que tem dia e hora para começar e acabar, basta saber o vencedor.
"Lex é o tipo de cara que saca as pessoas numa primeira olhada....Nina precisará esperar o jogo começar para detectar possíveis falhas no jogo de Lex.Ainda assim, ela acredita que o ataque é sempre a melhor defesa.”
Confesso que li esse livro com poucas expectativas. O livro é voltado para o público mais jovem. Um romance adolescente em um colégio que começa  através de uma aposta entre pessoas que se odeiam. Acho que já vi isso algumas vezes na sessão da tarde. Apesar disso a narrativa não  é chata. Mesmo achando que iria ser clichê, li este livro por que, adivinhem? Eu gosto de ver comédias românticas água com açúcar. Ele me surpreendeu, me fez rir durante a leitura com a enorme pirraça dos dois que fez eu lembrar como as coisas funcionavam no tempo da escola. A narrativa não é cansativa por que há outros núcleos de ação na história, logo não segue de forma linear apenas focado no romance do casal principal, tanto que eu acabei torcendo para os personagens secundário também para mau e pra bem. Achei muito certeiro a forma que a Vanessa Bosso escolheu para escrever a sua história, com uma narradora em terceira pessoa, agradou-me bastante. Ela consegui tratar de temas recorrentes  e mostrar que para tudo há um recomeço de uma forma ou de outra. Um ponto que eu daria como negativo desde o início da leitura seria a capa, mesmo sendo bonita não serviu para que eu criasse um vínculo entre ela e a história, está mas para um livro à La Nicholas Spark.

O futuro é incerto. Lancem seus dados e apostem!



Sorry - Jonas Brothers 


"Me desculpe
Por quebrar as promessas em que eu não estava por
perto pra cumprir
Está em mim
Esta é a última vez que eu te imploro pra ficar
Mas, você já está seguindo o seu caminho

Cheio de culpa, cheio de dor
Sabendo que eu devo ser culpado
Por deixar seu coração na chuva
E eu sei você vai embora
E vai me deixar com o preço a pagar"



Essa música começou a tocar de repente na minha playlist e percebi que por um acaso combina perfeitamente com Lex e Nina. 
Thamires Vicente
Thamires Vicente, carioca de 22 anos. "PALAVRAS são capazes de causar grandes sofrimentos e por vezes remediá-los"
4 Comentários | BLOGGER
Comentários | FACEBOOK

4 comentários:

  1. Oie Thamires!
    Adorei a resenha! Não conhecia o livro nem a autora, e fico feliz quando me deparo com novidades assim, pois sempre é tempo de conhecer novas leituras. Gosto bastante de romances, parece ser algo bem leve pra distrair a cabeça da loucura do dia a dia. Parabéns!

    Um beijo!
    Débora
    http://amorlivronico.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza Debóra, um ótimo livro para distrair e divertido.
      É sempre bom conhecer novos livros e autores, feliz em saber que gostou.
      Quem sabe você não seja a próxima leitora deste romance.

      Beijos.

      Excluir
  2. Oi Thamires!
    Já li "A Aposta" também e, embora ele seja realmente um romance mais clichê, eu amei cada momento! Livros leves e divertidos assim de vez em quando são bem gostosos de ler, não?
    O que eu mais gostei é de saber que a autora é nacional e estou ansiosa para conhecer outros livros dela!

    Beijo
    www.blogleituravirtual.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Certamente Marina. Como estava lendo muitos suspense e livros mais densos, um livro romântico e leve caiu super bem. E é sempre bom conhecer uma autora nova e brasileira e sempre conhecer novos leitores.
      Beijos, obrigada pelo comentário.

      Excluir

 
© Memórias de uma leitora, VERSION: 01 - BLUE FLOREST - janeiro/2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Maidy Lacerda
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo