[Resenha] Dez formas de fazer um coração se derreter #2 - Sarah MacLean

30 novembro 2016
Editora: Arqueiro
Gênero: Romance de Época
Série: Os Números do Amor - livro 2
Páginas: 384
Classificação: 
Sinopse: “Uma história arrebatadora, sensual e comovente, que não deixa nada a dever ao primeiro livro. Os personagens nos conquistam e o ritmo perfeito da trama, junto com os diálogos magistrais, multiplica o prazer.” – Romantic Times Book ReviewsIsabel Townsend não é exatamente o que se espera da filha de um conde. Apesar de ter a pele delicada e de saber se portar como uma dama quando necessário, a jovem também monta a cavalo, conserta telhados, administra a propriedade e cria o irmão caçula desde que a mãe faleceu – tudo isso sem despertar a menor suspeita de que não há um homem sequer para cuidar de sua família. Para o pai dela, que só queria se divertir e gastar dinheiro em jogatinas, pouco importava o que ela fizesse. Porém, quando ele morre, Isabel se vê sem recursos e precisa defender os direitos do irmão, ameaçados pela chegada iminente de um tutor. Assim, não lhe resta saída senão vender sua coleção de estátuas de mármore, o único bem que herdou. Para sorte sua, um especialista em antiguidades acaba de chegar ao condado. Inteligente e sensual, lorde Nicholas St. John é um solteiro convicto que deixou Londres para se livrar das jovens que passaram a persegui-lo desde que foi eleito um dos melhores partidos da cidade. Em poucos dias, fica claro para Nick que Isabel é a mulher mais obstinada e misteriosa – além da mais interessante – que já cruzou seu caminho. Ao mesmo tempo, ao conhecê-lo melhor, a independente Isabel percebe que há homens em que vale a pena confiar. Enquanto eles põem de lado suas antigas convicções, seus corações se abrem para dar uma chance ao amor.
Todo mundo aqui já deve ter percebido que eu sou apaixonada por romances de época, e a autora Sarah MacLean ganhou meu coração com a trilogia Os Números do Amor. O primeiro volume, Nove regras a ignorar antes de se apaixonar, conhecemos Lady Calpúrnia e sua saga por ignorar toda e qualquer regra impostas as mulheres de sua época, e eu já amei de verdade. Porém o segundo volume me conquistou ainda mais.

A história começa falando sobre Nicholas St. John, e meu coração já palpitou, afinal Nicholas é irmão gêmeo de Gabriel St. John, o marquês de Ralston e protagonista do primeiro volume da série. Nicholas está passando por apuros... uma revista feminina resolveu citá-lo como o solteiro mais cobiçado de Londres trazendo a atenção de todas as jovens para ele que passaram a persegui-lo e aborrece-lo com isso, afinal Nicholas é um solteirão assumido que não está nenhum pouco afim de se casar.


Mas para sorte de Nicholas, um velho amigo pede-lhe um grande favor, que encontre sua amada irmã que fugiu, dando a Nick a chance de fugir daquela confusão toda, porém tal tarefa iria fazer Nick relembrar um passado que ele queria esquecer, mas qualquer coisa era melhor do que continuar em Londres com aquele enxame de jovens desesperadas.

Nick vai então para a sua aventura juntamente com seu amigo Rock, e ao chegar numa cidadezinha pacata e sem graça se depara com uma jovem em perigo, que distraída não vê que se aproxima dela vários cavalos. Nick é o tipo de homem que não resiste a mulheres em apuros, e corre para salvá-la, mal sabendo ele que ele iria salvá-la de mais coisas além de cavalos.


A jovem é Isabel, uma moça que está longe de ser o que se espera das jovens daquela época, apesar de ser delicada e tentar manter uma postura adequada, ela também faz inúmeras coisas que deveriam ser destinadas aos criados, e essas atitudes estão fora de cogitação para a filha de um conde. Porém, após seu pai sumir deixando ela com uma casa caindo aos pedaços e sua mãe morrer de tristeza, Isabel teve por obrigação que administrar uma casa sozinha e ainda cuidar de seu irmão mais novo para que ele se tornasse um perfeito futuro conde.

Isabel está passando por dificuldades financeiras, e ao encontrar Nick vê nele a oportunidade de melhorar, afinal Nick é um grande especialista em antiguidades e ela tem uma excelente coleção de esculturas. Isabel convida Nick para conhecer suas esculturas na esperança de vendê-las e melhorar sua condição.


Porém Isabel esconde muitos segredos dentro daquela casa, do qual pretende não revelar para sua segurança e a de quem vive sob seus cuidados. Mas uma tempestade horrível obriga Nick a ficar em sua casa, e como um bom caçador, ele não deixará passar tão facilmente os mistérios que Isabel e seu lar escondem...

O livro é sensacional, divertido, apaixonante, envolvente, muitos momentos eu me peguei rindo do bom humor de Rock. Sim caros leitores, eu não falei muito sobre Rock, mas ele é um personagem incrível que me trouxe muitas rizadas, me identifiquei com ele, o amigo rindo e tirando sarro das situações embaraçosas que Nick era submetido, afinal Isabel é uma mulher desconcertante, hehe.


Isabel é tão autêntica e diferente que me deu vontade de ser amiga dela, apesar de tentar ser como as mulheres de sua época, é nítido que ela não se encaixa naquele padrão todo e isso me fez amá-la. Nick é um cretino irônico e apaixonante, ao mesmo tempo que você quer socá-lo por estar zombando de você e te provocando, você quer estar perto porque essa atitude é extremamente empolgante. 

O livro também tem muitos outros personagens divertido e eu me apaixonei muito, ansiosa pela história seguinte e já especulando sobre quem ela falará. Peço que leiam, é muito amor e eu terminei o livro com um pesar, porque queria mais. Vocês irão se apaixonar, juro!!!


Para ler a resenha de Os Números do Amor 1 clique na imagem acima!

Suzane Cruz
Suzane Cruz, 23 anos, baiana que mora na Cidade Maravilhosa. Potterhead, bailarina e formada em Design de Interiores. Andou vivendo o que lê e precisou de companhia.
4 Comentários | BLOGGER
Comentários | FACEBOOK

4 comentários:

  1. Oi flor, estou procurando algo novo pra ler, vou atrás desse livro, aprece muito bom!!!
    Beijos!!!
    Inspirações pra sua Casa Blog A primeira Casa
    Estou no Facebook com Minhas Inspirações

    ResponderExcluir
  2. Amei a composição do post, amei a resenha haha vou atras desse livro e vou indicar pra minha best, pq ela tambem ama livros aassim <3


    http://melissandosite.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aaah que linda, obrigada pelos elogios, feliz que tenha gostado. Beijos enormes ❤️

      Excluir

 
© Memórias de uma leitora, VERSION: 01 - BLUE FLOREST - janeiro/2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Maidy Lacerda
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo